Aniversário de 10 Anos da Feira Gastronômica será comemorado hoje!

Grupo Patrulha 8 será destaque hoje

Comida não apenas para preencher o estômago, mas para transportar pessoas para sua terra natal e resgatar um leque de sensações. A associação entre a culinária e sentimentos, que tem sido retratada em programas televisivos renomados, como os das chefs Nigella e Miss Dahl, também é a preocupação da Feira Gastronômica da cidade, que chega amanhã, à edição comemorativa de dez anos. 


Além da diversidade de comidas ofertadas nos 12 estandes, o grupo Patrulha 8 e banda Ao Acaso vão animar o evento e serão realizados sorteios de brindes referentes à cada nacionalidade representada na Feira.

Criada inicialmente como uma maneira de atrair mais pessoas ao Mercado Municipal (que fica a 10 minutos da Toca do Calango) e demonstrar as diversas culturas presentes na cidade em função do fluxo migratório, a feira já se consolidou no calendário de eventos culturais e tem um público fiel.

De acordo com a vice-presidente da Associação da Feira, Lúcia Kitagawa, a cada edição, realizada toda terceira quinta-feira do mês, de 150 a 200 pessoas visitam as barraquinhas. Comidas típicas regionais, como a mineira e a nordestina, e de outras nacionalidades, como italiana, japonesa, mexicana, holandesa e outras, fazem parte da oferta. “Tentamos manter um padrão. Prezamos pela qualidade, mas é uma feira simples para manter o ambiente acolhedor”, disse Lúcia.

Para a expositora responsável pelas comidas nordestinas, Maria Fátima de Souza, presente na feira há dez anos, o evento extrapola os objetivos iniciais. “Lá as pessoas que vêm de outras cidades ou mesmo países encontram um lugar onde sentem que fazem parte, lembram de casa, contam histórias. Chega a ser terapêutico”, disse. Natural de Fortaleza, ela toma a própria história como exemplo, ao sair de sua cidade para vir buscar melhores condições em Uberlândia. “Enquanto faço a comida também me recordo e as pessoas chegam alegres para pedir um prato e me alegro também”, afirmou.

Grupos se apresentam a cada edição

A Feira Gastronômica é oportunidade para expor talentos, não só na cozinha, mas também na música. A cada edição, grupos iniciantes são convidados a se apresentar. A banda Patrulha 8 é o destaque desta edição. O grupo, focado em resgatar o rock clássico dos anos 60 a 80, começou há dez anos, mas há dois tem intensificado o número de apresentações.

Diversidade e entusiasmo são a marca dos integrantes, que vão de 14 anos a 40 anos. O professor de música Melquiades Santos é o baterista e ponto de apoio do grupo. “A música tem o potencial de unir pessoas diferentes e assim é nossa banda. Apresentar para um público como o da feira é um desafio e oportunidade de amadurecimento. Estamos empolgados”, disse. Um repertório de 22 músicas, de Bob Dylan a Metallica, deve compor a apresentação.


Associação busca novas parcerias

Para atender às diferentes demandas, a Feira Gastronômica passa por adequações constantes. Segundo a vice-presidente da Associação da Feira, Lúcia Kitagawa, todos os anos são realizados treinamentos de reciclagem com os expositores em parceria com a Prefeitura Municipal. Os associados pagam uma taxa fixa e são responsáveis por custos extras como cadeiras e atrações musicais, mas encontram a facilidade de um público concentrado.

O evento é tão bem recebido que recentemente teve a realização ampliada também para a segunda quinta-feira do mês, no espaço do Griff Shopping. “Estamos com planos também de fechar outras parcerias para fazer eventos de degustação abertos ao público, inclusive para selecionar novos expositores. Além de uma experiência prévia na cozinha, o mais importante é que cozinhar tenha um significado sentimental para a pessoa“, afirmou. A expositora Maria Fátima de Souza serve cerca de 150 tapiocas por edição e outros 50 pratos variados. “Rende bem, mas não faço pensando só no dinheiro e acho que é por isso que dá certo.”

Fonte Jornal Correio de Uberlândia

TOCA DO CALANGO – suítes e quartos
individuais para alugar em uberlândia
acesse: www.tocadocalango.com.br

Comentários estão desabilitados no momento.