UFU vai superlotar salas chamando mais 375 alunos

Foi anunciado na TV ontem que a UFU vai chamar mais 375 alunos. Isso se deu por conta da  determinação da Justiça Federal para que a Universidade Federal de Uberlândia (UFU) atenda o que foi publicado no edital do Programa de Ação Afirmativa de Ingresso no Ensino Superior (Paaes) 2010/2013, que previa uma determinada quantidade de vagas, que será completada agora com a cgamada desses 375 alunos ingressantes pelo programa seriado neste semestre. Como a UFU fez a lambança de disponibilizar as mesmas vagas para o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), a UFU terá turmas com superlotadas.

Segundo foi divulgado, a lista de aprovados do Paaes será divulgada no site da UFU segunda-feira (15) e as solicitações de matrículas dos aprovados pelo Paaes e dos convocados na quarta chamada do Sisu serão retomadas dia 19.

A decisão da justiça aumenta o número de vagas destinado aos aprovados pelo Paaes de 25% para 50%. Devido à adoção da lei de cotas neste ano, a reserva de vagas ao Paaes, que era de 50% até 2012, havia sido reduzida pela metade (25%), enquanto o restante de vagas (75%) se destinava aos aprovados pelo Sisu.
Veja como tudo aconteceu:

26/4/2012: O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que o sistema de cotas raciais em universidades é constitucional.

11/10/2012: Foi regulamentada a lei de cotas nas universidades, prevendo o mínimo de 50% das vagas oferecidas nas universidades públicas federais e institutos técnicos federais para estudantes que tenham cursado todo o ensino médio em escolas da rede pública, sendo distribuídas entre negros, pardos e indígenas.

28/12/2012: A UFU publicou o edital da 3ª etapa do Paaes 2010/2013, baseado na nova determinação, informando 787 vagas para os campi de Uberlândia, Ituiutaba, Monte Carmelo e Patos de Minas, mas se esqueceu que a lei não retroaia e o edital anterior deveria ser respeitado. Devido à adoção da lei de cotas neste ano, a reserva de vagas ao Paaes, que era de 50% até 2012, foi reduzida pela metade (25%). Com isso, as 1.162 vagas previstas inicialmente cairam para 787.

5/4/2013: um procurador moveu processo contra a UFU questionando a redução das vagas oferecidas pelo Paaes e pediu a suspensão das matrículas. A Justiça Federal suspendeu todos os processos de matrícula da entidade, incluindo os do Sistema de Seleção Unificada (Sisu).

10/4/2013: a UFU se defendeu, mas nesta data a Justiça Federal concluiu a análise do processo e sentenciou a UFU a manter o número de vagas publicado no edital do Paaes 2010/2013 (1.162) e convocar os alunos aprovados.

11/4/2013: A UFU acatou a decisão e determinou que a lista de aprovados do Paaes seja publicada no dia 15 e que as solicitações de matrículas serão feitas a partir do dia 19.

TOCA DO CALANGO – suítes e quartos
individuais para alugar em uberlândia
acesse: www.tocadocalango.com.br

Comentários estão desabilitados no momento.